Finge.
Finge que é gente grande.
Finge que seu olhar é o mais belo.
Finge que mata e passa fome.
Finge que faz filho, vira herói.
Finge vai morrer.
Finge que voltou a viver.
Finge seu amor, que ele vai ser o mais verdadeiro.
Finge que não tem gente que não finge.
Finge que se esqueceu da morte.
Finge pra ser feliz.

Foto: Renan Rosa

Bruno Lourenço

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Verão de 2005.

Curtíssima temporada do espetáculo "O Girador" no Teatro Pequeno Ato

2014: um primeiro balanço e o nosso fim de ano