Hoje foi um dia muito triste.

No final do ano passado, eu estava em uma cantina italiana com o pessoal do núcleo de direção.
Havia um moço bonito ao meu lado mas eu o conhecia só por nome. Ele era professor de matemática e ator. Lembro dele fazendo um paralelo sobre o teatro e triângulos. Agora não lembro a relação entre os dois, mas naquele dia eu achei aquilo tão genial, que passei um tempo relacionando tudo que tinha a minha volta com triângulos.
Hoje eu fiquei sabendo que ele foi embora. O teatro perdeu alguém muito especial.
Mesmo sem o conhecer tão bem, eu me senti triste. Creio que todos que ficaram aqui se sentiram tristes. E hoje deve ser um dia de festa lá no céu, com a chegada de alguém tão especial para brilhar lá em cima.

Mayra

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Verão de 2005.

Curtíssima temporada do espetáculo "O Girador" no Teatro Pequeno Ato

2014: um primeiro balanço e o nosso fim de ano